Dia a dia kiwi

Conheça a cultura do chá na Nova Zelândia

Estação mudando e aquele friozinho chegando aos nossos lares. Além de roupas quentes e uma boa alimentação para espantar resfriados e afins, o período também é um convite para um chá. Com uma diversidade de sabores e aromas, o chá é uma bebida simples e popular.

Informalmente, na cultura kiwi, um café ou uma xícara de chá são uma forma de socialização e é consumido depois do lanche da tarde ou após o jantar.

A China é líder mundial na produção de chá.

No mundo, não à toa, a China, Índia e Quênia figuram nos primeiros lugares no ranking de produtores de chá. Na Nova Zelândia, o chá se popularizou nas décadas de 1980 a 1990, mas aos poucos, com a expansão do mercado, o café  ganhou espaço e se tornou a principal bebida “pra levar” – ou takeaway. Antes desse período, a bebida quente foi introduzida no cotidiano dos kiwis por meio dos britânicos, ainda no período de colônia. Mas o manejo das ervas para tratar as dores do corpo e da alma já era utilizado pelos povos nativos da região: os maori.

Aos poucos, esse conhecimento vem sendo resgatado com a preocupação das novas gerações por produtos naturais.Além de exigir um chá com sabores bem definidos e que tragam benefícios para a saúde, o neozelandês também procura uma bebida natural e sem aditivos.

Bem estar na xícara

É comprovado pela sabedoria antiga que chás podem ajudar a curar dores e emoções palpitantes. Anos mais tarde, a ciência também deu o braço a torcer e contribuiu para popularizar os benefícios da bebida. Alguns chás ajudam a dar aquele up no humor e na energia – além de contribuírem de maneira indireta com o equilíbrio do sistema imunológico.

 

Chá caseiro e com ervas frescas do quintal. (Imagem: CC)

 

Ainda no Brasil, minha família já tinha o hábito de tomar o famoso chimarrão – bebida típica da região Sul do país e que pode ser consumida bem quente em uma cuia ou fria. Chás de hortelã, capim-santo e camomila eram encontrados bem ali no quintal de casa. Mas longe da terrinha, fui aprendendo a procurar outros sabores e adaptar o que não é tão fácil de encontrar por aqui.

Agora que você entendeu um pouco mais sobre a cultura do chá na Nova Zelândia, que tal experimentar? Para ajudar você na arte dos chás preparei algumas dicas e sugestões.

No fim ainda tem uma receita para afastar você de qualquer resfriado.

Dicas para desfrutar melhor

-Aqueça a água, mas não deixe ferver. A maioria das frutas e ervas têm suas propriedades reduzidas em contato com água fervente – essa dica também vale para o café que pode ficar “queimado” com água fervente.

-Para chás com sabor mais forte – como chá preto ou chá verde puro – algumas pessoas preferem adicionar dose de leite para suavizar a bebida.

-Há quem prefira um chá gelado. Basta aquecer um pouco a água ou colocar cubos de gelo. Espere alguns minutos e beba. Eu gosto do chá de hibisco gelado ou chá de hortelã. Você também pode testar água saborizada que, pra mim, é uma espécie de “chá modernoso”.

-Biscoitos e bolos caem muito bem com chá. Que tal preparar aquela receita caseira para seus amigos e conhecidos kiwis?

Receita para espantar zique-zira

Versão Chá:

  • Suco de meio limão (lemon juice)
  • 2 colheres de chá de açafrão ou Cúrcuma (Tumeric)
  • 1 colher de gengibre em pó ou fresco (ginger or powder ginger)
  • 1 colher rasa de mel, o mais puro possível (honey)
  • Água quente
  • Misture todos os ingredientes, despeje a água quente e vá tomando devagar.

 

Versão Shot (sem água):

  • Suco de um limão (lemon juice)
  • 2 colheres de chá de açafrão (tumeric)
  • 1 colher de chá de pimenta caiena (cayenne papper)
  • O equivalente a 1 colher gengibre amassado ou em pó (ginger)
  • Misture todos os ingredientes e vá tomando com uma colher.

 

Acompanhe o Além do Mar para mais dicas sobre bem estar e o que mais puder ajudar você na sua jornada pela Nova Zelândia.

Texto extra sobre o chá de camomila <3
Mulheres: da camomila à libertação da culpa

Leia também: 
12 curiosidades sobre a Nova Zelândia

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.